Trajetória dos candidatos a Presidente, Governador, Senador e deputado federal

IVAN PINHEIRO – PRESIDENTE 21
Ivan Pinheiro, advogado, 64 anos, iniciou sua atividade política ainda na adolescência como diretor de grêmio estudantil. Integrou o Movimento Revolucionário Oito de Outubro (MR-8). Após a derrota da luta armada no combate ao regime militar, Ivan passou a considerar importante a participação no movimento de massas. Após desligar-se do MR-8, fez contato com o Partido Comunista Brasileiro na clandestinidade, no qual ingressou em 1976 e de que jamais se afastou. Tornou o Sindicato dos Bancários como principal centro de resistência à ditadura no Rio de Janeiro. Foi candidato a deputado federal constituinte; e candidato à prefeitura do Rio de Janeiro. No XIII Congresso do PCB, foi eleito Secretário Geral do Partido. Este congresso marcou a ruptura do PCB com o governo Lula e apontou um novo rumo para a estratégia partidária.
Site: www.ivanpinheiropcb21.net
E-mail: ivanpinheiropcb21@gmail.com

AMADEU FELIPE – GOVERNADOR – 21
Nascido em Blumenau (SC), Amadeu Felipe da Luz Ferreira, 74 anos, é secretário político do PCB no Paraná. Fez parte da Casa Militar durante o governo do presidente João Goulart. Ao ser reformado no Exército, possuía a patente de capitão. A liderança de Amadeu Felipe à frente do movimento de sargentos que lutava para impedir a maturação e o desencadeamento do golpe militar, em 1964, começou dez anos antes, com o suicídio do presidente Vargas.
Em 1966, com o apoio do ex-governador gaúcho Leonel Brizola, comandou a organização do primeiro movimento militar armado de resistência ao golpe: a Guerrilha do Caparaó. Atualmente, a estratégia do PCB para a Revolução Brasileira é a formação da Frente Anticapitalista e Antiimperialista. Para isso, Ivan Pinheiro concorre à Presidência e Amadeu Felipe, ao governo do Paraná.
Site: www.paranacomamadeufelipe.blogspot.com
E-mail: amadeufelipe@yahoo.com.br

GILBERTO ARAÚJO – SENADOR – 211
Filho de pequenos produtores rurais, Gilberto conviveu desde criança com a produção familiar. Depois, já no fim da ditadura, se envolveu com os movimentos sindicais e presenciou o nascimento do MST em Cascavel. Na cidade, onde hoje trabalha com manutenção de motores elétricos, lutou ao lado dos trabalhadores dos supermercados e dos comerciários. A militância foi decisiva na formação de seu caráter, de sua forma a pensar sempre no coletivo. Já com o caminho de luta percorrido resolveu terminar os estudos, que havia interrompido porque começou a trabalhar muito jovem. As aulas no Ceebeja contribuíram de forma destacada para a formação de seu pensamento socialista. Depois assumiu a presidência do PCB em Cascavel; hoje é secretário político.  Logo viria algo que marcaria sua história: disputar a vice-prefeitura de Cascavel. Hoje, aos 43 anos, pede o voto consciente para o Senado.

Site:  www.gilbertoaraujo.com.br
E-mail: gilbertocarlos.araujo@bol.com.br

SEBASTIÃO ALVES – DEPUTADO FEDERAL – 2145
Sebastião Alves tem 59 anos, é construtor e tem militância no campo popular no Norte do Paraná. Ele é ligado ao movimento de bairros na cidade de Cambé. Aos 59 anos, lançou candidatura a deputado federal por entender que é preciso aproveitar a eleição para combater a falsa democracia dentro dos próprios mecanismos da burguesia. Ele tem a convicção de que o trabalho de um deputado é apresentar e discutir leis, fiscalizar os recursos e ações do governo e ouvir a população.Um deputado precisa ser preparado para debater o Brasil e o Paraná. Mais que isso, estes representantes precisam ter compromisso com o povo, principalmente, com os trabalhadores e não com os grandes grupos econômicos e políticos. Quando um deputado promete que vai construir determinada obra, ele está mentindo. Quem faz isso é o governo, não o parlamentar. Quando um deputado diz que trouxe recursos para o município, na verdade, ele entrou no jogo da troca de favores.
Site:  www.sebastiaoalvesfederal.blogspot.com
E-mail:  sebastiaoalvesfederal@gmail.com

Serviço
PCB Foz do Iguaçu
www.pcbparana.blogspot.com
E-mail: pcbparana@gmail.com

3 comentários em “Trajetória dos candidatos a Presidente, Governador, Senador e deputado federal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.