O que está em disputa na eleição

As eleições dividem, aparentemente, os dois blocos que representam os interesses da classe dominante: de um lado, o PSDB e seus aliados, sustentados pelo grande capital financeiro, propondo mais neoliberalismo (privatizações, flexibilização do mercado, desvalorização da mão de obra e produtos brasileiros, menos direitos para os trabalhadores, mais liberdade para o capital, mais dependência aos EUA e seus aliados).
De outro lado, o PT e seus coligados, sustentados por uma política neoliberal assistencialista, que reproduz nas relações político-econômicas processos corruptos, mercenários e populistas, mantendo o domínio burguês e a política econômica neoliberal, com algumas concessões de caráter assistencialista e alguma dose de independência no campo internacional.
Ou seja, o que está em questão nas diferenças entre esses candidatos é a forma como defendem o capitalismo e saqueam o aparelho de Estado rumo ao neoliberalismo.

Nesta eleição, Dilma, Serra, Osmar Dias e Beto Richa, juntos com seus aliados, dizem que resolverão os problemas sociais: é mentira! As candidaturas governarão para os donos do poder, ricos e para as oligarquias. São financiados por donos de fábricas, banqueiros e latifundiários para defender privilégios, reservando para o resto do povo apenas as migalhas do regime capitalista. Esta é a democracia que queremos?

O PCB tem a clareza de que as eleições não mudarão profundamente a vida dos trabalhadores. Não alimentamos nenhuma ilusão de mudança com esse processo, porque somente o Poder Popular, com a organização dos trabalhadores e a mobilização de todos os explorados e oprimidos pelo regime capitalista, pode derrubar o que está estabelecido para construir uma nova sociedade, sem exploração, sem desigualdades e sem guerra.

A AÇÃO  ELEITORAL DO PCB SOMA-SE ÀS MANIFESTAÇÕES DE CONTESTAÇÃO DO ESTABELECIDO, NA DEFESA DOS INTERESSES DA CLASSE TRABALHADORA, QUE É A MAIORIA DA POPULAÇÃO.

Serviço
PCB Foz do Iguaçu
www.pcbparana.blogspot.com
E-mail: pcbparana@gmail.com

2 comentários em “O que está em disputa na eleição

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.