É preciso integrar Foz, Unioeste, Unila e IFPR