PCB critica ‘privatização’ do transporte público

PCB Paraná 3 de agosto de 2013 Comentários
mirian-takahashi

Mirian Takahashi: privatizaram nossos direitos.

O Partidão criticou a lógica da iniciativa privada enraizada no transporte público, uma concessão pública com cara e jeito de grande empresa, em Foz do Iguaçu. O PCB defendeu o transporte público e de qualidade para a população de Foz do Iguaçu na audiência realizada no último dia 23 para debater o serviço.

A pedagoga Mirian Takahashi usou a tribuna para defender especificamente o passe livre para todos (estudantes e trabalhadores)  no entendimento de que o transporte e a mobilidade urbana são direitos sociais. “Já pagamos muitos tributos e pagamos para ir trabalhar, pagamos para ter acesso a todos os serviços públicos, ou seja, a vida é privatizada, a mobilidade é privada”, afirmou.

A militante comunista também convidou os vereadores, autoridades, sobretudo o público, para que lessem o poema que fica na parede da Câmara Municipal. Está lá “O analfabeto político”, de Bertolt Brecht. Após ler o poema, Mirian acrescentou que da ignorância política nasce não só a prostituta e o menor abandonado; nasce também “a terceirização, as concessões dos nossos direitos”.